Pé de Feijão no Sesc Verão

“Cultivos de Temperos”,“Como fazer mudas”, “Alimentos Orgânicos” e “Solos e compostagem” foram os temas das nossas participações no Sesc

Começamos o ano com o pé direito e em plena avenida Paulista. Turmas lotadas e com um público bem variado – jovens, crianças, adultos e idosos – nos encontros que abriram as atividades do Pé de Feijão em 2019 e fazem parte do Clube da Horta de Verão da unidade. Nas oficinas “Cultivos de Temperos” e “Como fazer mudas” o objetivo foi mostrar como a partir de novos hábitos e com alimentos simples e frescos por perto é possível se alimentar melhor. Os dois encontros foram facilitados pela hortelã urbana Mariana Marchesi.  

Também levamos para o Sesc Pq Dom Pedro II uma oficina sobre alimentos orgânicos”. Além de discutir, o não uso de agrotóxicos nem qualquer outro tipo de produto que possa causar danos a saúde dos produtores e consumidores, também falamos sobre o respeito às pessoas que trabalham no campo, logística e, claro, desmistificamos o mito de que o alimento orgânico é pequeno e feio, e relembramos o quanto as opções limpas e seguras são mais saborosas e podem ser utilizadas integralmente, com casca e tudo!

A convite do Sesc Bertioga, descemos a Serra do Mar e participamos da Oficina Preparo de Solo e Compostagem. O encontro aconteceu no bairro Vicente de Carvalho II. Neste espaço o Sesc, junto com a Prefeitura, apoia o Terreno Vivo – um projeto com a finalidade de desenvolveruma horta comunitária. “O pessoal estava animado, construímos dois canteiros elevados e para finalizar tivemos uma conversa e troca de experiências com a Eudóxia Carvalho do movimento Batatas Jardineiras”, contou Marina Pinto, bióloga e hortelã do Pé de Feijão que levou toda sua experiência com agricultura urbana e compostagem para o evento.

Este slideshow necessita de JavaScript.